A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou nesta sexta-feira (8) o primeiro caso de reinfecção por SARS-CoV-2, por meio de sequenciamento genético. Foi observada, na sequência genética do vírus presente no segundo episódio, a mutação E484K, que é uma mutação identificada originalmente na África do Sul. A paciente em questão, uma mulher de 45 anos residente em Salvador, contraiu a Covid-19 duas vezes em um intervalo acima de 90 dias, conforme laudos emitidos pelo Hospital São Rafael em maio e outubro de 2020.

AF